Manutenção preventiva pode evitar prejuízos

Para garantir o bom funcionamento das máquinas e implementos agrícolas e evitar imprevistos que, consequentemente, geram prejuízos, a manutenção preventiva deve ser feita com frequência. A lista de benefícios inclui o bom funcionamento do equipamento, prolongamento da sua vida útil, quebras inesperadas, desgastes prematuros, eficiência, produtividade e assegura o valor do equipamento na hora da revenda.

Outra dica importante é seguir as recomendações do manual do fabricante. É importante que os profissionais do setor sejam treinados e capacitados para fazer as checagens que em determinadas máquinas devem ocorrer com mais frequência que outras. Ter um plano de manutenção da frota pode ajudar a evitar transtornos e redução de produtividade. Assim, além do equipamento estar sempre funcionando bem, o produtor rural também terá maior valor na hora de revendê-lo.

manutenção 2
Foto: Divulgação

E quando o assunto é capacitação, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (SENAR-MT) oferece cerca de 20 treinamentos para capacitar profissionais que irão atuar nesta área. Os interessados devem procurar o Sindicato Rural de seu

Continuar lendo

Regulagem e manutenção das máquinas agrícolas podem influenciar na rentabilidade do produtor.

Não somente as plantadeiras e colheitadeiras, como todas as máquinas e implementos agrícolas utilizados numa propriedade rural desempenham fundamental papel na agricultura. Quando bem reguladas e com a manutenção feita de acordo com o manual garantem o sucesso da cultura, economia e até se pode dizer que contribuem para o aumento de rentabilidade. A utilização de máquinas na execução das mais diversas operações, dentro de uma propriedade rural tem o objetivo de realizar tarefas de uma forma mais rápida, eficiente e com maior conforto para o operador, permitindo aumento da capacidade individual de trabalho e produtividade.

blog - 22 - foto 1

Continuar lendo