Profissionais capacitados para combater incêndios em propriedades rurais ajudam a minimizar os prejuízos

Com a chegada do período de seca, também chega a preocupação dos produtores rurais com os incêndios e as queimadas. Com o objetivo de minimizar os prejuízos e evitar o fogo, os produtores rurais mato-grossenses se unem para capacitar profissionais que vão atuar no combate às queimadas e aos incêndios nas propriedades rurais. Para Anísio Amorim Leite, produtor de soja e milho no município de Nova Mutum, 2017 foi um ano de muito prejuízo. Ele conta que sua propriedade fica à beira de uma estrada bastante movimentada e, isso tornou ainda mais difícil evitar os incêndios. “Nós tivemos pelo menos quatro situações, onde o fogo ficou praticamente incontrolável. Fizemos um grupo no whatsap para um ajudar o outro nas situações de emergência. Passamos pelo menos três meses de tensão. Na nossa região foram mais de 15 incêndios com grandes prejuízos”.

incendiodeciolandia_2620x465
Divulgação

Continuar lendo

Setor de qualificação de grãos está em plena expansão

A classificação de grãos é um processo que fiscaliza a qualidade dos produtos vendidos pelo produtor a uma cooperativa, cerealista, trading ou indústria. E essa sempre foi uma preocupação para o produtor rural. Se o grão de soja não estiver de acordo com os parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o agricultor pode ter o desconto no pagamento da carga.

Como a estimativa de produção de grãos para a safra 2017/2018 ser de 223,3 a 227,5 milhões de toneladas, os produtores têm buscado, cada vez mais,  informações, orientações e treinamentos para entender melhor como funciona essa área de classificação de grãos. Diante deste panorama, a demanda para estes treinamentos junto ao Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (SENAR-MT) tem crescido.

img_noticia_057309

Continuar lendo

Armazenamento adequado garante a qualidade do milho

No Brasil, o cultivo do milho é tradicional tanto nas pequenas, quanto nas grandes propriedades. Mato Grosso é famoso por estar entre os maiores produtores do Brasil.  Mas é importante frisar que uma colheita satisfatória, exige o conhecimento de métodos que ajudam na melhoria das condições de plantio. A escolha de um sistema baseia-se na realidade dos pequenos produtores e não no estabelecimento rígido de um método. O que é bom para um, pode não ser para o outro. Por isso, é importante conhecer tecnologias e práticas, ainda que simples, empregá-las, experimentá-las e escolher as mais adequadas.

Colheita do Milho-Rafael Manzutti (80)
Foto: Rafael Manzutti

Continuar lendo

Gestão de sistemas mecanizados garante melhor rentabilidade

Com a chegada constante de novas tecnologias para o campo, o produtor precisou se dedicar mais à gestão da propriedade. Analisar dados se tornou uma atividade comum, principalmente, nas fazendas de médio e grande porte. Os produtores e trabalhadores rurais precisam saber planejar e dimensionar a utilização dos equipamentos para garantir melhor rentabilidade.

Tractor spraying soybean field

Continuar lendo

Semente de qualidade garante boa produção e produtividade

Para o produtor Mário Oliveira e Silva a produção e produtividade da lavoura está diretamente ligada a qualidade da semente. “Semente é vida e precisa ter qualidade sanitária, ou seja, serem livres da presença de fitopatógenos, que associados se tornam um dos meios mais eficientes de se introduzir e acumular inóculo de patógenos em áreas de cultivo”, explica. O produtor diz ainda que quando isso acontece é comum a redução do poder germinativo e do nível de vigor das sementes, limitando assim a produtividade e aumentando o custo de produção.

foto1

Continuar lendo