Piscicultura em plena expansão não só em Mato Grosso, mas em todo Brasil

De acordo com o último levantamento feito pela Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR), Mato Grosso é o 4º produtor nacional de peixes. A Associação mostra ainda que há cerca de 1.200 produtores atuando na atividade em 3.200 hectares de lâminas de água. Apesar do Estado ser avaliado com alto potencial para a atividade, em razão do clima, da extensão territorial e da diversidade de espécies nativas, a maior dificuldade enfrentada pelos produtores é a comercialização do produto.

Atualmente, a maior expectativa se concentra na construção de um frigorífico localizado no município de Selvíria (MS). A previsão de conclusão é para 2019. A expectativa é de construir 500 hectares de lâminas de água e ter a capacidade de processar mais de 10 mil toneladas de peixe ao ano. Em maio de 2017, a empresa recebeu aprovação da outorga do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), para explorar o potencial hídrico da região por 30 anos com foco na produção de tilápias.

Piscicultura- Baixa Resolução-Rafael Manzutti (8)
Crédito: SENAR-MT – Rafael Manzutti

Continuar lendo

Piscicultura pode ser uma alternativa para incrementar a renda do produtor rural

De acordo com a Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR), Mato Grosso ocupa o quarto lugar no ranking dos maiores produtores de peixe do Brasil. Apesar disso os piscicultores apontam dezenas de dificuldades e reclamam da falta de apoio no desenvolvimento da cadeia produtiva. Apesar deste panorama, o que se vê em muitos municípios mato-grossenses é o desenvolvimento da atividade por pequenos produtores. “É uma forma de diversificar a produção e ganhar um dinheirinho a mais”, conta o pecuarista Romário Augusto Souza.

18 - set - foto 2 - Piscicultura

Continuar lendo